Campanha em prol da preservação do Engenho Verde, vários ecoparques das vizinhanças e todo ecossistema das matas, agricultura diversificada que abastece a feira de Palmares e de outras cidades da Mata Sul. Riachos, cachoeiras, todo patrimônio cultural e natural.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

* Egoísmos da sociedade consumista esquece a preservação do Rio Una!

O Professor Vilmar Carvalho escreveu um relato importante após Reunião de representantes comunitários com o Governo do Estado de Pernambuco. Ele descreve como o Rio Una é esquecido e maltratado: A defesa da propriedade, o Rio e as escolhas deixadas de herança
Aproveitando o ensejo, o poeta Jaorish Gomes Teles divulgou um poema surgido da inspiração ao ler a crônica:
Algum dia saberão que o Rio é uma artéria de vida
do organismo planetário e dádiva divina
que essa sociedade consumista poluidora desrespeita.
Una dos negros, desaguou lágrimas que choraram de torturas senhoriais.
Una, hoje mais negro que nunca
de pútrida omissão desumana das cidades ribeirinhas
vomitando esgotos nas veias de Gaya...
Espelhando um céu sufocado pelas chaminés das usinas de açúcar
que amarga a vida do trabalhador rural...
Una que leva nas águas enfurecidas ou calmas
os restos dejetos da estrutura decadente que ele teima em lavar mágoas.
Negro Rio, tão Una quanto sempre
teimando depurar os próprios caminhos quando  retoma seu lugar natural que as cidades invadiram
E vomitando lamas de desprezo à vaidade e egoísmo dos decadentes habitantes urbanos,
Marca ferozmente o tempo que os homens pensam serem donos.
Rio Una é Imperador e não há muralhas que impeçam seu despotismo.
Quem não obedece as Leis Naturais ouvirá a voz das águas.
Quem não respeita a biodiversidade verá a fúria das águas.
O Rio meu irmão maior que me ensina a ser transgressor contra o agressor.
O Rio que me ensina a linguagem feroz contra quem transgride o Sagrado.
O Rio Una onde em seu corredor dos ventos
ouço soluços e murmúrios dos sonhos ainda sonhados
mensageiros dos anseios de perpetuação da vida dos nossos antepassados.

*

Um comentário:

  1. UM CONVITE ESPECIAL

    Vim cá, lê o seu blogue. Eu, tenho um. Muito simples, sem cores e sem nuances. Estou lhe convidando a visitar-me, e se possível, Seguirmos juntos por eles. Estarei lhe esperando lá, afinal, o que importa é a Amizade que fizermos.

    Deixe um comentário, torna-se, mais fácil seguir-te.
    www.josemariacosta.com

    ResponderExcluir